quinta-feira, 15 de setembro de 2011

É preciso pensar antes de postar

O dilema é antigo.  Há muito, as empresas se preocupam com o conteúdo que seus colaboradores postam em blogs e outros sites sociais.  Algumas já proibiram veementemente, outras tentaram limitar o uso para horários de folgas, recorreram a aplicação de bloqueios e filtros de navegação na rede interna e etc... Mas atualmente, com o forte advento das mídias sociais – Facebook, Twitter, Youtube, Flickr, Orkut LinkedIn, Tumblr e outros canais... – não se pode ficar mais de fora 'desses ambientes', por isso, é necessário elaborar políticas claras sobre o comportamento online de seus funcionários. 

Por outro lado quem possui um vínculo empregatício com alguma organização, deve pensar duas vezes antes de postar algo que possa arranhar a imagem da empresa ou de pessoas envolvidas em suas relações.  É bom estar atento, pois o uso imprudente desses sites abre portas para pragas digitais e mesmo processos judiciais.

Assim como já não é  mais possível proibir, pois a tecnologia se encarrega de 'inventar' novos mecanismos de acesso e, valendo-se da mobilidade, os usuários carregam consigo notebook, tablets, smartphones e etc, também não é razoável  empregados acharem que têm uma vida independente, autônoma na rede e postar o que quiserem sem usar uma 'gotinha' de ética.

Ao compartilhar opiniões inapropriadas elas poderão ser usadas contra seus próprio sautores e episódios do tipo têm sido cada vez mais frequentes.

Por isso, é essencial para as empresas a elaboração de políticas transparentes – além da divulgação delas – a fim de mostrar aos usuários a repercussão que seu comportamento online pode tomar. Claro, também seria útil se os usuários compreendessem que nem todo pensamento repentino merece ser compartilhado com milhares de internautas.

Fonte: IDG Now

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Muito bem... quero saber sua opinião!!!

Related Posts with Thumbnails